Carro ou moto: como escolher o veículo ideal para você?

Carro ou moto, qual a melhor opção para você? Descubra neste artigo com nossas dicas e análises para fazer a escolha baseada no seu perfil.
5 minutos de leitura
5 minutos de leitura
Três capacetes sobre fundo verde água

Carro ou moto: qual a melhor opção de veículo para seu estilo de vida e suas necessidades? Se você está pensando nessa questão, chegou a hora de refletir seriamente sobre o assunto e considerar todos os critérios necessários para tomar essa decisão.

Neste artigo, vamos mostrar as vantagens e desvantagens de ambos os veículos, considerando fatores como custos, conforto, segurança e agilidade.

Continue lendo e faça a escolha certa entre carro e moto.

Carro ou moto: é hora de pensar a respeito

Na hora de escolher um meio de transporte próprio, surge a dúvida: carro ou moto? Ambos têm suas vantagens e desvantagens, mas é preciso avaliar também sua situação financeira e a do país para tomar essa decisão.

Em um contexto de crise como o que vivenciamos com a pandemia do coronavírus, a inflação começa a pesar no bolso, e a escolha entre carro ou moto se torna crucial para o equilíbrio das contas.

Um exemplo claro disso é o crescimento da procura por motos devido ao aumento de preço dos combustíveis.

Segundo dados do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran SP), houve um aumento de 64,7% no interesse por tirar a carteira de habilitação na categoria A (moto) em 2022.

Esse crescimento coincide com uma alta de 6,9% na gasolina, que chegou ao valor de R$ 7,32 o litro em São Paulo (dados de maio/2022).

Portanto, é preciso pesar diversos fatores ao escolher entre carro e moto, incluindo o cenário econômico.

O que é mais econômico: moto ou carro?

Não há dúvida de que a moto é mais econômica do que o carro em quase todos os critérios quando comparamos modelos de nível e potência semelhantes.

Para começar, basta comparar o gasto de combustível: uma motocicleta de baixa cilindrada chega a percorrer 50 km com apenas 1 litro de gasolina, enquanto os carros populares mais econômicos do mercado fazem entre 14 e 19 km/l, no máximo.

Outro ponto evidente é o preço dos veículos: uma motocicleta simples de baixa cilindrada zero quilômetro custa entreR$ 11 mil e R$ 20 mil, enquanto o carro popular zero quilômetro mais barato do país no momento não sai por menos de R$ 60 mil.

É claro que, se compararmos modelos de motocicletas mais potentes com carros populares, podemos chegar a um preço semelhante.

De modo geral, comprar uma moto ainda sai muito mais barato do que um carro, mesmo no mercado de usados. No entanto, você não deve considerar apenas a economia de combustível e o preço do veículo nessa escolha.

A seguir, vamos entender quais fatores precisam ser analisados na hora de escolher entre carro ou moto.

Como escolher entre carro ou moto?

Já sabe se quer ter um carro, uma moto ou os dois?

Veja quais critérios considerar.

Custo

Como vimos, os custos de uma moto são, de modo geral, bem inferiores ao de um carro.

Quando consideramos o preço de compra do veículo e o consumo de combustível, a motocicleta sai na frente com os menores valores.

Além disso, é importante considerar que, se a única forma de adquirir o veículo for um financiamento, os juros e encargos de um carro serão proporcionalmente maiores — você compra um carro e paga dois para o banco.

Agilidade

Se você quer atravessar o trânsito com rapidez e chegar logo ao seu destino, a moto é de longe o veículo mais ágil.

Já o carro, por menor que seja, ficará preso no engarrafamento nos horários de pico, se essa for a rotina da sua cidade.

Segurança

Segurança é um critério fundamental na escolha entre carro e moto, pois o motociclista fica muito mais exposto aos perigos do trânsito.

Para você ter uma ideia, mais da metade dos acidentes graves nas ruas (54%) envolve motos, segundo um levantamento da ABRAMET (Associação Brasileira de Medicina de Tráfego).

Por isso, é preciso pilotar a moto com prudência e ter muito cuidado para não entrar para as estatísticas.

Já o carro protege muito mais seus ocupantes e possui recursos de segurança como cinto, frenagem automática, airbag, aviso de ponto cego, etc.

Conforto

Mesmo a motocicleta mais confortável expõe seu piloto e passageiro às intempéries. Então, se você não quer ter problemas com chuva, vento e poluição, é melhor optar por um carro.

Mesmo que seja um carro popular somente com os itens básicos, o conforto será maior do que na moto.

Estilo de vida

O estilo de vida pesa muito na escolha entre carro ou moto.

Se você faz muitos passeios sozinho ou em casal, curte aventuras na estrada e gosta de pilotar, a motocicleta é a opção mais apropriada.

Agora, se você tem uma família para transportar nos programas de fim de semana, é claro que será necessário ter um veículo de quatro rodas para acomodar todos os passageiros.

Além disso, a moto não é indicada para viagens de longa distância — exceto se você for um aventureiro de marca maior.

Carga

Outro ponto importante é a carga que você pretende levar no seu veículo.

Se você quer transportar malas, compras do supermercado, equipamentos, animais ou bicicletas, por exemplo, vai precisar de um automóvel com um bom espaço no porta-malas.

Agora, se você não carrega mais do que uma mochila ou até uma bolsa extra no bagageiro, uma motocicleta pode ficar de bom tamanho.

Manutenção

Por fim, a frequência e custos de manutenção também precisam ser considerados na decisão entre carro e moto.

De modo geral, é mais barato manter uma motocicleta, pois os custos de IPVA, licenciamento, seguro, estacionamento, combustível e revisões periódicas são menores.

Mas lembre-se: motos de alta cilindrada podem ser até mais caras de se manter do que um carro popular. Por isso, a escolha de um modelo econômico é essencial para ter o custo reduzido em manutenções.

Quando comprar um carro?

Com todos os critérios listados, podemos concluir que vale a pena comprar um carro nas seguintes situações:

  • Se você consegue bancar os custos mais altos de compra e manutenção;
  • Se você prioriza segurança e conforto;
  • Se você precisa de um veículo com espaço para mais de um passageiro;
  • Se você escolher um modelo econômico com um consumo mais baixo;
  • Se você precisa de um meio de transporte mais confiável para viagens;
  • Se você não quer ter problemas em dias de chuva;
  • Se você já tem uma moto e pretende vendê-la para dar entrada em um carro, considerando os critérios apresentados.

Quando a moto vale a pena?

Agora, vamos ver em quais situações compensa comprar uma moto:

  • Se você gosta de pilotar e quer um veículo ágil;
  • Se você não vai precisar levar mais de um passageiro ou um volume grande de carga;
  • Se você precisa de um veículo somente para fazer trajetos curtos e economizar na ida ao trabalho;
  • Se você quer ter o menor custo possível com seu meio de transporte próprio, podendo optar por meios alternativos quando necessário (ex.: transporte público ou bicicleta);
  • Se você já tem um carro que está dando muito gasto e quer ter uma moto na garagem para economizar nos trajetos cotidianos.

Moto nova ou carro usado?

Em alguns casos, o preço de uma moto nova pode estar bem próximo do de um carro usado. Entretanto, se a ideia é economizar, os gastos de manutenção com um carro mais antigo costumam ser altos.

Pense na quantidade de peças que precisam de substituição ao longo do tempo, como freios, suspensão, amortecedores, pneus, etc.

Por outro lado, uma motocicleta nova já é econômica por si só e ainda tem a vantagem de exigirpoucas revisões e reparos.

Quanto custa manter um carro?

Para você ter uma ideia de quanto custa manter um carro, ter um Hyundai HB20 1.0 (um dos carros mais vendidos do seu ano) em 2021 no Brasil custava R$ 1,7 mil por mês, segundo cálculos feitos pelo UOL.

Em outra simulação, também feita pelo UOL, estes eram os valores mensais de manutenção de carros em 2020:

  • Ford Ka SE 1.0: R$ 1.125,81
  • Volkswagen T-Cross Comfortline 1.0 TSI: R$ 1.466,30
  • Toyota Corolla XEi: R$ 1.587,31

Quanto custa manter uma moto?

Com uma motocicleta, você terá um custo de manutenção médio em torno de R$ 180 e R$ 300, segundo dados do site Cometa Motocenter.

Esse valor considera modelos populares de baixa cilindrada.

E então, conseguiu decidir entre carro ou moto? Temos outros conteúdos relacionados ao assunto que podem te interessar:

Continue de olho nos nossos artigos e confira mais dicas para economizar no dia a dia e manter seu padrão de vida nos eixos.

O propósito da Neon é criar caminhos por uma vida financeira melhor para todos os brasileiros. A educação financeira é um dos principais pilares para fazer isso acontecer, por isso estamos aqui para te acompanhar em sua jornada com as finanças.

Este artigo foi útil?

Dê sua nota e comente abaixo

Média da classificação 4 / 5. Número de votos: 27

Seja o primeiro a avaliar este post.

Tags:
Picture of Time Neon
Time Neon
Um time de pessoas dedicadas a diminuir desigualdades, mostrando caminhos financeiros mais simples e justos, porque todos merecem um futuro brilhante.

Você também pode se interessar

NEON LOGO