Quanto custa um casamento? Guia para você planejar o seu

Quer saber quanto custa um casamento para planejar o grande dia como você sempre sonhou? Confira neste guia todas as despesas envolvidas.
8 minutos de leitura
8 minutos de leitura
Moeda de um real em frente a duas alianças

Quer saber quanto custa um casamento para planejar o grande dia como você sempre sonhou? É verdade que o gasto é alto, mas pode valer cada centavo se for uma grande realização na vida do casal.

Para ajudar no seu planejamento, vamos listar os principais custos da cerimônia e mostrar que é possível economizar na festa e na lua de mel.

Continue lendo e descubra quanto custa um casamento em vários cenários!

Quanto custa um casamento? Conheça os custos

Afinal, quanto custa um casamento se considerarmos cada um dos gastos?

Veja a lista dos principais a seguir.

Aluguel do espaço

O primeiro passo para definir quanto custa um casamento é a escolha do espaço onde o evento será celebrado. A festa pode ser realizada em um buffet, salão, chácara, fazenda, praia, hotel e até restaurante.

Para os orçamentos maiores, é possível ainda alugar uma mansão ou um castelo, como vemos em grandes casamentos de celebridades.

De qualquer forma, você deve escolher o espaço com base no número de convidados da sua festa, estrutura desejada e verba disponível.

Além disso, o local é uma questão de gosto: há quem sonhe em casar à beira-mar, enquanto outros preferem uma casa de campo nas montanhas.

Casamento na praia: confira como organizar um e quais os custos.

Profissionais para a cerimônia

Um casamento exige o trabalho de uma série de profissionais, sendo que os principais são:

  • Recepcionista;
  • Cerimonialista;
  • Celebrante, padre ou juiz de paz;
  • Seguranças;
  • Profissionais da limpeza;
  • Barman;
  • Garçons;
  • Cozinheiros;
  • Motoristas;
  • Manobristas;
  • Músicos;
  • Equipe de audiovisual.

Normalmente, o valor de contratação dos profissionais do buffet já está incluso no serviço de gastronomia, enquanto seguranças e pessoal da limpeza podem ser contratados no próprio espaço ou por meio de uma empresa de cerimonial.

É preciso considerar ainda custos de transporte, caso o casamento seja realizado em um local mais distante, e alimentação para o staff.

Transporte

Muitas vezes, os custos de transporte acabam surpreendendo os noivos, pois nem sempre são contabilizados.

O mais lembrado, naturalmente, é o carro da noiva, alugado especialmente para a chegada na igreja ou local de celebração e para a saída dos noivos. Geralmente, os noivos optam pela locação de carros de luxo, automóveis antigos e outros veículos diferenciados.

Mas, além da chegada e saída do casal, é preciso considerar diversos outros traslados, como o transporte de equipamentos e equipe, a ida da noiva ao salão de beleza, o transporte final das sobras do casamento, etc.

Em alguns casos, os noivos também contratam motoristas para buscar padrinhos e familiares.

Portanto, é importante analisar os contratos e verificar quais transportes já estão inclusos e quais são de responsabilidade do casal.

Decoração do local

A decoração é um dos maiores gastos de um casamento, pois são muitos detalhes a serem acertados.

Estes são alguns itens que não podem faltar:

  • Arranjos de flores e buquê;
  • Centros de mesa;
  • Aparelho de jantar (pratos, talheres, copos, guardanapos personalizados, jogos americanos, etc.);
  • Iluminação;
  • Decoração do altar;
  • Topo de bolo e bandeja;
  • Centro de mesa;
  • Decoração da pista de dança;
  • Mobiliário completo da festa (mesas, cadeiras, bancos, gôndolas, etc.);
  • Tapetes (em especial, o cerimonial).

Lembrando que esse é apenas o básico, pois uma decoração personalizada não tem limites para a criatividade, dependendo do orçamento disponível.

Convites

Os convites são um dos primeiros custos que os noivos precisam bancar em um casamento.

Nesse caso, é possível ser mais econômico ou escolher um papel diferenciado com design exclusivo.

Além disso, não se esqueça dos custos com envio dos convites para os convidados.

Alianças

As alianças simbolizam a união do casal e são uma grande atração em qualquer casamento.

No mercado, os valores dos pares começam em R$ 600 e ultrapassam os R$ 10 mil nos modelos mais luxuosos.

Roupas e acessórios

As roupas do casamento representam um custo significativo, principalmente na locação ou compra do vestido de noiva.

Além disso, é preciso considerar os gastos com o traje do noivo e, dependendo da situação, também das daminhas e dos pajens.

Entre os acessórios, estão o buquê, véu, sapatos, coroa, lingerie, etc.

Dia da noiva

O dia da noiva é um pacote completo de beleza em um salão profissional. Entre os serviços contratados estão limpeza de pele, manicure, pedicure, penteado e maquiagem.

Em um pacote mais amplo, é possível incluir day spa, depilação, clareamento dental, etc.

Gastronomia

Os comes e bebes são a essência de qualquer casamento, que fazem os convidados se lembrarem dos sabores da cerimônia.

Então, essa é uma área que merece um bom investimento e um cuidado especial com o cardápio.

Geralmente, os noivos contratam um buffet para servir o menu completo e as bebidas alcoólicas são contratadas separadamente. De modo geral, os preços começam em R$ 100 por convidado.

Banda ou DJ

Todo casamento precisa de uma festa animada e muita música boa, certo?

Para os orçamentos mais enxutos, um DJ é a escolha certa, pois o custo é menor (a partir de R$ 500) e não há tantos equipamentos e instrumentos envolvidos.

Já a banda é mais cara (a partir de R$ 1 mil), mas também garante um espetáculo mais memorável com música ao vivo.

Foto e vídeo

A equipe de foto e filmagem é outro ponto-chave do orçamento de casamento. Para um serviço completo com gravação, fotografia, edição, impressão de álbum e entrega do vídeo em mídia física, os valores começam em R$ 2.500.

O preço vai subindo conforme são adicionados serviços extras como multicâmeras, entrevistas, efeitos, resolução maior, etc.

Lembranças

As lembranças do casamento também fazem parte do sucesso da cerimônia.

É possível economizar com produtos artesanais e personalizados ou partir para uma linha mais luxuosa, como bebidas sofisticadas e doces finos.

Outras opções são velas perfumadas, toalhinhas, difusores, sabonetes, itens de cozinha, chinelos, leques, suculentas, etc.  

Bolo e bem-casados

Prepare o bolso também para o bolo de casamento e para os tradicionais bem-casados. É possível incluir esses itens no contrato de gastronomia ou buscar uma confeitaria à parte.

Os valores de bolos começam em R$ 500, mas tudo depende do número de convidados e do nível de complexidade do doce.

Custos com igreja e cartório

As igrejas cobram taxas para realizar a cerimônia, enquanto o casamento civil também tem um custo com o cartório.

Em São Paulo, por exemplo, o custo cartorário de um casamento é de R$ 539,53 em 2023. Em outros estados, essa taxa varia entre R$ 170 e R$ 600.

Já as igrejas cobram taxas começando em R$ 600 e podem chegar a R$ 10 mil, dependendo da paróquia.

Veja aqui quanto custa casar no civil e quais são os requisitos.

Afinal, quanto custa um casamento no total?

Um casamento custa a partir de R$ 35 mil para as festas mais econômicas e pode ultrapassar facilmente os R$ 500 mil nas cerimônias de luxo, considerando um evento com cem convidados.

Esses números foram identificados em uma pesquisa da Zankyou, que mostra o custo médio dos casamentos em diversas regiões do país com base em dados de assessorias e cerimoniais.

Veja as médias de preço encontradas:

Estado Valor médio do casamento econômicoValor médio do casamento intermediárioValor médio do casamento de luxo
São PauloR$ 40 milR$ 120 milR$ 350 mil
Minas GeraisR$ 50 milR$ 80 milR$ 150 mil
Rio de JaneiroR$ 40 milR$ 80 milR$ 140 mil
Rio Grande do SulR$ 35 milR$ 55 milR$ 100 mil

7 dicas para economizar na organização do casamento

Agora que você sabe quanto custa um casamento em média, confira nossas dicas para aliviar o bolso no seu planejamento.

1. Planeje com antecedência

Quanto mais cedo você começar a planejar o casamento e fechar os serviços, melhores serão os preços e a margem de negociação.

O ideal é que a data seja reservada no local com no mínimo um ano de antecedência, para que você possa começar a contratar as empresas necessárias.

Assim, é possível pesquisar bastante para encontrar o melhor custo-benefício e ainda conseguir bons descontos.

2. Seja criterioso com os convidados

Por mais que você queira chamar todo mundo para o seu casamento, cada convidado a mais representa um custo significativo.

Por isso, priorize quem realmente é próximo e marque comemorações paralelas com pessoas que não estiverem na lista, para ninguém ficar chateado.

3. Aproveite promoções

Com bastante tempo para planejar seu casamento, você também terá a oportunidade de aproveitar promoções ao longo do ano.

A dica é usar sites como Buscapé para criar alertas de preços de produtos e se cadastrar em newsletters de empresas para receber ofertas.

Dessa maneira, você pode conseguir um lote de lembrancinhas com desconto especial, comprar um vestido em uma liquidação ou fechar um pacote de viagem pela metade do preço.

4. Considere um contrato “all-inclusive”

Hoje em dia, existe a opção de espaços “all-inclusive”, que já oferecem um contrato completo com serviço de buffet, decoração e cerimonial.

Por um lado, pode ser uma boa ideia para economizar. Por outro, é preciso verificar com cuidado as limitações do contrato para não ter problemas na sua festa.

5. Chame os amigos

Se o orçamento estiver apertado, já pensou em chamar seus amigos e familiares para ajudar na cerimônia?

Você pode convidar uma banda de um parente que é renomada na cidade, chamar aquele amigo que é ótimo em fazer drinks, pedir a um amigo que conhece bem o casal e fala bem para fazer a celebração, etc.

6. Economize no buffet

O buffet é fundamental no casamento, mas você pode economizar e ainda impressionar os convidados seguindo algumas dicas simples:

  • Escolha no máximo duas opções de pratos para o jantar, uma com carne e outra vegetariana;
  • Prefira bebidas mais baratas como vinho, cervejas e drinks, ao invés de champanhe e uísque;
  • Reduza o coquetel de entrada e comece o buffet o quanto antes, pois muitas vezes os petiscos saem caros.

7. Reduza o custo da decoração

A decoração pode sair muito cara, mas você tem algumas opções para economizar:

  • Compre a decoração após datas comemorativas, quando os preços caem;
  • Use flores da estação;
  • Use bastante folhagem verde para “fazer render” os enfeites.

Quanto custa a lua de mel?

Você pode comprar um pacote de viagem para lua de mel a partir de R$ 2 mil, dependendo da sua escolha de destino e acomodações.

Pode ser um roteiro mais econômico em um resort ou pousada mais próxima, um cruzeiro, uma viagem internacional ou o que couber no bolso do casal.

Para não ter dor de cabeça com essa parte, o ideal é comprar o pacote mais completo possível para não ter que se preocupar com passagens, estadia, traslados, alimentação e outros custos, já que você estará ocupado demais com os planos de casamento.

Como viajar com pouco dinheiro? Temos 11 dicas para você.

Destinos baratos para a lua de mel

Se você quer ideias de destinos baratos para passar a lua de mel, veja algumas sugestões nacionais:

  • Bonito (MT): a capital do ecoturismo é um destino econômico e cheio de belezas naturais para os recém-casados;
  • Paraty (RJ): a charmosa cidade com portos coloridos e construções coloniais é uma opção romântica e barata;
  • Monte Verde (MG): conhecida como alternativa acessível a Campos do Jordão, é uma bela cidade entre as montanhas com chalés inspiradores;
  • Gramado (RS): não faltam pacotes econômicos para aproveitar as belezas da cidade gaúcha, conhecida pela arquitetura incrível, clima aconchegante e cachoeiras;
  • Ilha do Mel (PR): para casais que gostam de praia e não querem gastar muito, é uma opção perfeita com muita tranquilidade e paisagens de tirar o fôlego.

Leia também: Como comprar passagens aéreas baratas e economizar muito?

Comece a economizar para o seu casamento!

Saber quanto custa um casamento é só o ponto de partida para começar a economizar para o grande dia. Quanto mais você conseguir juntar e investir, mais inesquecível será sua celebração!

Veja algumas dicas para preparar o bolso:

Que tal guardar o dinheiro para seu casamento na Neon?

Casar exige bastante organização e planejamento financeiro, mas você pode contar com a Neon para guardar dinheiro no melhor CDB para o seu dinheiro crescer, o CDB Neon! Aqui você tem segurança reforçada para o seu dinheiro e o melhor rendimento do mercado: até 113% do CDI (muito mais do que a poupança).

Além disso, você pode guardar a partir de R$ 1 e pode resgatar o dinheiro a qualquer momento.

O CDB Neon é tão seguro quanto a poupança e bem melhor que outros investimentos por aí. Para começar a investir você só precisa de R$ 1 e um sonho, e o sonho você já tem, certo?

Vem transformar o seu casamento em realidade!

Telas do investimento criado no CDB Neon no app

Esperamos que tenha ficado claro quanto custa um casamento e que você esteja pronto para investir nesse sonho! Continue acompanhando o blog Neon para aprender mais sobre temas que impactam o seu bolso.

O propósito da Neon é diminuir desigualdades, mostrando caminhos financeiros mais simples e justos, porque todos merecem um futuro brilhante. A educação financeira é um dos principais pilares para fazer isso acontecer, por isso estamos aqui para te acompanhar em sua jornada com as finanças.

Este artigo foi útil?

Dê sua nota e comente abaixo

Média da classificação 4.4 / 5. Número de votos: 19

Seja o primeiro a avaliar este post.

Tags:
Time Neon
Time Neon
Um time de pessoas dedicadas a diminuir desigualdades, mostrando caminhos financeiros mais simples e justos, porque todos merecem um futuro brilhante.

Você também pode se interessar

NEON LOGO
Minutos
Segundos