Se você tem medo de investir, saiba que não está sozinho: segundo dados divulgados pela 6ª edição do Raio X do Investidor, cerca de 64% da população brasileira não realiza qualquer aplicação financeira.

Entre as razões por trás dos relativos baixos índices de investimentos, podemos mencionar as características culturais frente a situações de risco e a falta de conhecimento de como o mercado funciona.

A realidade de endividamento das famílias brasileiras também prejudica a disponibilidade de recursos para aplicação. 

A seguir, mapeamos as origens do medo de investir e como superá-lo de forma consciente e tranquila.

Explicamos também como realizar uma das aplicações mais seguras e rentáveis do país.

Leia até o final!

Por que as pessoas têm medo de investir?

Essa não é uma pergunta simples de responder, afinal, os medos costumam envolver múltiplas variáveis de base socioeconômica e cultural, além de motivos totalmente subjetivos e individuais.

De modo geral, podemos mencionar o receio de perder dinheiro e a insegurança com o cenário econômico como algumas das justificativas mais comuns, mas também existem causas ligadas ao desconhecimento de como as aplicações funcionam.

Também não podemos esquecer de que a imagem popular de aplicações está muito associada ao estereótipo de complexas e arriscadas transações na bolsa de valores, por meio das quais os investidores perdem altas quantias em segundos.

Independentemente das razões coletivas e particulares, o fato é que a realidade dos investimentos não é tão assustadora.

Existem diversas formas seguras de tornar sua reserva financeira mais rentável, sem se preocupar com a perda desastrosa de suas economias.

Como investir com pouco dinheiro: 8 dicas para você.

Como perder o medo de investir?

Em primeiro lugar: entenda que seu medo de investir vem de uma reação completamente natural e prudente.

Afinal, uma boa dose de cautela em relação ao dinheiro é fundamental para evitar decisões impulsivas e prejudiciais.

Assim, o grande segredo está em alcançar um equilíbrio no qual os investimentos são feitos sempre de forma planejada e estratégica, garantindo a diversificação saudável de suas fontes de renda.

A seguir, listamos 3 dicas para você começar a montar sua tão sonhada carteira de investimentos.

1. Invista em educação financeira

Conhecer o funcionamento do mercado financeiro é o primeiro passo para perder o medo de investir

Listamos alguns tópicos fundamentais para seu estudo:

Não tenha dúvidas: com essa base de preparo teórico, você conseguirá diferenciar boas oportunidades de grandes ciladas!

2. Entenda seu perfil de investidor

Vamos te contar mais um segredo: não é preciso correr riscos e fazer investimentos com os quais não se sinta confortável. 

Aos poucos, conforme amplia seus conhecimentos, você começará a identificar quais modalidades são mais tranquilas para você.

Algumas instituições bancárias oferecem questionários de perfil, facilitando a vida dos clientes que estão começando no mundo de investimentos.

Nesses formulários, você responderá determinadas perguntas a respeito da sua tolerância a riscos e possíveis perdas, assim como suas expectativas de rentabilidade, e poderá definir seu perfil de investidor.

E, claro, comece pela renda fixa.

3. Faça pequenos testes

Outra dica para perder o medo de investir é fazer testes com valores reduzidos.

Assim, mesmo que haja potencialmente algum prejuízo, seu orçamento mensal não será afetado.

De quebra, você também ganhará experiência e aprenderá na prática que existem certos cuidados a serem observados antes de começar a investir maiores quantias.

O que observar antes de investir?

Além de respeitar seu próprio perfil de investidor, também leve em consideração:

  • Horizonte de investimentos, contemplando o período no qual você planeja manter seu dinheiro aplicado
  • Leque de opções disponíveis, levando em consideração as melhores taxas de juros, de forma a criar uma carteira de investimentos diversificada
  • Expectativas de rendimento a curto, médio e longo prazo
  • Orçamento disponível, conforme planejamento mensal.

Lembre-se também que contar com instituições seguras e reconhecidas pelo mercado é indispensável para investimentos de sucesso. 

Com todo suporte que oferece, a Neon pode ser sua aliada para fazer seu dinheiro render da maneira mais segura possível, como vamos ver a seguir.

Perca o medo de investir com o CDB Neon

A Neon é referência em praticidade na hora de fazer investimentos: em poucos toques no aplicativo, nossos clientes podem aplicar no novo CDB Neon.

Além de extremamente seguro e protegido pelo FGC, estamos falando de uma das melhores aplicações nacionais em renda fixa, com rendimento que pode chegar a 113% do CDI.

GUARDAR NO CDB NEON

O CDB está ligado ao Viracrédito, um programa no qual cada real investido no CDB se transforma em limite no seu cartão de crédito.

São muitas as vantagens, sempre com toda a segurança para você perder o medo de investir.

Faça sua simulação agora mesmo!

ATIVAR VIRACRÉDITO NEON

O propósito da Neon é diminuir desigualdades, mostrando caminhos financeiros mais simples e justos, porque todos merecem um futuro brilhante. A educação financeira é um dos principais pilares para fazer isso acontecer, por isso estamos aqui para te acompanhar em sua jornada com as finanças.

Conheça a Neon e todos os produtos que esperam por você aqui.