Como pagar conta com cartão de crédito? Tire suas dúvidas

É possível pagar conta com cartão de crédito, mas você deve ter atenção às taxas cobradas e entender quando vale a pena fazer isso. Saiba mais.
5 minutos de leitura
5 minutos de leitura
Cartões de crédito enfileirados sobre fundo azul

Você sabia que pode pagar conta com cartão de crédito? Se faltou dinheiro na data do vencimento, é possível quitar o boleto na próxima fatura ou parcelar o valor devido.

O serviço é válido para contas que estejam em seu nome, como água, luz, internet e boletos em geral.

No entanto, será que vale a pena utilizar o cartão de crédito, com seus juros e taxas?

É o que vamos mostrar neste texto, continue lendo!

É possível pagar conta com cartão de crédito?

Sim, é possível pagar conta com cartão de crédito, desde que seu banco, fintech ou carteira digital ofereça essa função.

Trata-se de uma opção interessante para momentos em que não há saldo suficiente para pagar a conta.

Ao utilizar o crédito, o cliente poderá pagar o boleto em uma ou diversas parcelas, sendo que as taxas e juros envolvidos dependem da instituição financeira.

Portanto, para saber se utilizar o crédito compensa, é preciso estar atento ao valor total considerando todas as taxas.

Pagar contas com cartão é uma boa ideia?

Apesar da alta dos juros e a crescente popularidade do Pix, o cartão de crédito segue invicto como uma das formas de pagamento preferidas dos brasileiros.

Contudo, é preciso colocar na balança os prós e contras desta modalidade.

Confira abaixo as vantagens e desvantagens.

Vantagens de usar o cartão de crédito para pagar contas

Uma das principais vantagens de pagar contas com cartão de crédito é você conseguir manter seus compromissos financeiros em dia, mesmo se não houver saldo suficiente para fazer o pagamento.

Imagine a seguinte situação: chega o dia de pagar seu aluguel e, por algum motivo, você ainda não recebeu seu salário.

Se você atrasar o pagamento, terá que arcar com uma multa pesada, já que o acréscimo costuma ser alto.

Nessa hora, vale muito a pena pagar o boleto com seu cartão de crédito, mesmo que sejam cobradas tarifas pela transação, pois nenhuma taxa será tão cara quanto a multa de atraso.

Da mesma forma, se o dinheiro estiver muito curto, você ainda pode parcelar suas contas com o cartão.

Obviamente, uma taxa será cobrada por isso, mas pode compensar mais do que atrasar os boletos e acabar sem alguns serviços essenciais.

Desta forma, pagar boletos com o crédito é vantajoso em situações esporádicas e emergenciais.

Desvantagens do uso do cartão para quitação de contas

A principal desvantagem de pagar contas com cartão de crédito é que as instituições financeiras cobram taxas e juros conforme o valor e número de parcelas.

Ou seja, é uma péssima notícia para quem está habituado a parcelar: quanto maior o número de vezes no cartão, maior o valor final da conta.

Além disso, se você parcelar as contas e não conseguir pagar a fatura inteira no mês seguinte, por exemplo, vai cair no chamado rotativo do cartão de crédito — a linha de crédito mais cara do mercado, com juros que ultrapassam facilmente os 875% ao ano.

Então, se a ideia é sair das dívidas, utilize pouco esta modalidade de pagamento e prefira também quitar o boleto em parcela única.

Quando pagar conta com cartão de crédito?

Como mencionamos anteriormente, pagar conta com cartão de crédito vale a pena quando você não dispõe do valor total para quitar a dívida e não quer lidar com as consequências de atrasar o boleto.

Ou seja: trata-se de uma situação emergencial.

É o caso do aluguel do nosso exemplo, que terá um custo extra altíssimo com apenas um dia de atraso no pagamento.

Isso também pode acontecer com a mensalidade de um curso ou faculdade, por exemplo. De modo geral, você deve avaliar se o custo da transação será maior ou menor do que as penalidades por atrasar o pagamento da conta.

No entanto, mesmo que o serviço fique um pouco mais caro do que a multa e os juros, a verdade é que nunca é positivo atrasar um boleto.

Isso porque pagar contas fora do prazo impacta negativamente seu score — a pontuação do CPF que determina sua reputação financeira no mercado.

Vale a pena pagar conta parcelada com o cartão de crédito?

A resposta é: depende. Devido à possibilidade de acúmulo de dívidas na fatura, sempre é bom pensar duas vezes antes de qualquer parcelamento.

A regra geral é avaliar qual opção vai sobrecarregar menos o seu orçamento. Pode ser que, ao optar por parcela única, sua dívida com cheque especial aumente ainda mais.

Além disso, o parcelamento pode ser a única saída para evitar a incidência de multas exorbitantes.

Entretanto, é bom lembrar que o aumento dos juros e taxas proporcionais à quantidade de parcelas torna esta modalidade extremamente agressiva.

Desta forma, planeje-se financeiramente para o parcelamento da conta não levar você ao superendividamento.

Passo a passo sobre como pagar conta com cartão de crédito

Agora que você está por dentro do pagamento de boletos com cartão de crédito, vamos ver como utilizar essa função passo a passo.

1. Verifique se o seu banco oferece esse serviço

O primeiro passo para pagar conta com cartão de crédito é checar se o banco, fintech ou carteira digital no qual você tem conta oferece esse serviço.

Hoje, a maioria das instituições conhecidas disponibiliza essa opção para seus clientes, desde os “bancões” até as startups financeiras.

Da mesma forma, a maioria dos cartões de crédito está habilitada para o pagamento de boletos.

2. Cheque se a conta pode ser paga

Dependendo da sua instituição, pode haver restrições sobre o tipo de conta paga com cartão de crédito.

De modo geral, autoriza-se o uso para:

  • Contas de concessionárias (água, luz, internet, telefone, celular, etc.);
  • Impostos como IPVA e IPTU;
  • Boletos em seu nome, como aluguel, mensalidade de instituição educacional e boleto de plano de saúde.

Lembrando que, com o crédito, não é possível pagar a própria fatura do seu cartão de crédito nem quitar boletos de terceiros.

3. Consulte os custos

É muito importante verificar as tarifas e os juros cobrados pela transação no seu banco.

Assim, você pode fazer os cálculos e decidir se vale a pena seguir com o pagamento de boleto por cartão de crédito.

4. Pague pelo internet banking ou app

Após confirmar que o serviço está habilitado, é só acessar seu internet banking ou app para fazer o pagamento.

Você deverá escanear o código de barras do boleto ou digitar o código, e então escolher a opção para pagar com cartão de crédito — geralmente, as outras opções são pagar com o saldo da conta corrente ou da conta poupança, além do Pix.

Algumas instituições também permitem que o pagamento com cartão de crédito seja feito em caixas eletrônicos ou diretamente na agência bancária.

No caso das carteiras digitais, você deverá cadastrar um cartão de crédito habilitado e escolher a forma de pagamento do boleto no próprio app.

Quanto custa pagar contas no cartão de crédito?

No mercado, as tarifas e juros para pagar contas no cartão de crédito variam muito

Segundo dados atualizados em 2023, a tarifa mais barata é de R$ 4,90 por transação e a mais cara encontrada é de R$ 25,50 por operação.

No entanto, a maioria dos bancos não cobra uma tarifa fixa por pagamento, e sim uma taxa de juros que depende do valor do boleto e o número de parcelas (se houver parcelamento).

Um exemplo para ficar melhor de entender: um banco pode cobrar uma taxa de 2,89% sobre o valor do pagamento mais um adicional de 2,99% no caso de parcelamento. 

Tal acúmulo de taxas pode tornar o pagamento com cartão de crédito uma operação muito cara.

Então, lembre-se de consultar as tarifas do seu cartão antes de sair pagando boletos, combinado?

Como pagar conta com cartão de crédito sem se perder

Para não passar do limite com os gastos na fatura, é essencial manter firme o controle de suas movimentações bancárias.

Ou seja, é importante manter um planejamento financeiro adequado, para assim garantir uma relação saudável com o cartão de crédito.

Uma das estratégias mais comuns é a utilização dos próprios aplicativos bancários para monitorar as faturas.

Assim, em poucos segundos, você acessa o mapeamento de todas as suas parcelas e avalia se realmente é o momento para mais uma despesa. 

Segundo o método 50-30-20, se você notar que suas dívidas estão excedendo 20% do seu salário líquido, é melhor começar a frear os gastos.

Além disso, vale a pena contar com a ajuda de planilhas de gastos mensais para saber exatamente quais os principais gargalos do seu orçamento pessoal.

Utilizar o cartão de crédito pode facilitar a sua vida, mas é preciso cautela e prudência. Avalie as taxas e juros do seu cartão e se planeje para pagar as contas sem se estressar!

O propósito da Neon é criar caminhos por uma vida financeira melhor para todos os brasileiros. A educação financeira é um dos principais pilares para fazer isso acontecer, por isso estamos aqui para te acompanhar em sua jornada com as finanças.

Este artigo foi útil?

Dê sua nota e comente abaixo

Média da classificação 4.1 / 5. Número de votos: 17

Seja o primeiro a avaliar este post.

Tags:
Picture of Time Neon
Time Neon
Um time de pessoas dedicadas a diminuir desigualdades, mostrando caminhos financeiros mais simples e justos, porque todos merecem um futuro brilhante.

Você também pode se interessar

NEON LOGO