Como impulsionar a motivação no ambiente de trabalho? 5 dicas

Você conhece a importância da motivação no ambiente de trabalho? Entenda como identificar o desânimo e como motivar os colaboradores.
5 minutos de leitura
5 minutos de leitura
motivação-ambiente-de-trabalho

Motivação no ambiente de trabalho: esse é o segredo para alavancar os bons resultados empresariais.

Funcionários motivados tendem a ser mais comprometidos com as metas organizacionais, ampliando suas metas com entregas de maior qualidade.

Pensando nisso, elaboramos um guia sobre o assunto: a importância da motivação no ambiente de trabalho, como identificar o desânimo da equipe e como motivar os colaboradores.

Avance na leitura até o final do texto!

O que é motivação no ambiente de trabalho?

A motivação no ambiente de trabalho é um conceito usado pela psicologia organizacional para se referir aos aspectos que impulsionam os colaboradores a alcançar suas metas profissionais.

Conforme a Teoria da Pirâmide de Maslow, desenvolvida pelo psicólogo Abraham Maslow em 1943, a motivação humana é influenciada pelos seguintes fatores:

  • Senso de autorrealização quanto ao propósito pessoal e profissional;
  • Valorização e reconhecimento;
  • Bons relacionamentos sociais;
  • Segurança financeira, pessoal e familiar;
  • Garantia de boas condições de vida, como alimentação saudável e descanso adequado.

Levando em consideração esses componentes, a motivação no trabalho pode ser avaliada tanto em aspectos individuais quanto coletivos.

Isso porque o ânimo dos profissionais gera impactos tanto em suas vidas pessoais quanto na própria produtividade e rendimento da empresa. 

Como medir e aprimorar a qualidade de vida no trabalho?

Qual a importância da motivação no ambiente de trabalho?

Em termos diretos, a motivação no ambiente de trabalho é o que faz uma empresa funcionar adequadamente.

Afinal, conforme estudo realizado pela Universidade da Califórnia, funcionários felizes e motivados são aproximadamente 31% mais produtivos e três vezes mais criativos em seu serviço. 

Por isso, bons gestores devem saber identificar e solucionar os problemas em sua equipe, caso estejam ao seu alcance. 

Continue lendo para saber os principais vilões da motivação no ambiente de trabalho.

Fatores que comprometem a motivação no trabalho

A desmotivação e a baixa produtividade podem acontecer por várias razões, inclusive de ordem pessoal.

Veja a seguir.

Má gestão

Uma equipe que não sabe exatamente quais metas precisa cumprir e não tem um líder inspirador pode ter dificuldades de atingir uma alta produtividade. 

Por falta de orientação e suporte, os profissionais perdem motivação, engajamento e deixam de dar o melhor de si. 

Vale notar que um líder não é alguém que manda os outros fazerem determinadas tarefas — na verdade, um líder é quem mostra o caminho a ser seguido, ajuda no que é necessário e caminha junto.

Máquinas obsoletas

Trabalhar com computadores e sistemas ultrapassados ou em más condições é algo que também pode atrapalhar a rotina e desmotivar os colaboradores.

Imagine que um profissional chega empolgado para começar as atividades.

Porém, ao se deparar com um aparelho que trava, requer atualizações ou simplesmente não abre o que precisa, ele perde o foco.

Nesse sentido, é interessante que a empresa proporcione um bom ambiente de trabalho.

Mesmo para quem atua de forma remota, vale a pena disponibilizar aparelhos, além de sistemas que ajudem no dia a dia — ou, pelo menos, não atrapalhem.

Processos burocráticos

Os processos visam organizar tarefas, atividades e até a comunicação entre as equipes.

No entanto, quando não são bem estruturados e pensados, eles podem atrapalhar mais do que ajudar.

Na hora de otimizar os processos, é interessante que os gestores e coordenadores ouçam o que os profissionais têm a dizer — muitas vezes, eles podem ter opiniões e avaliações sobre o que pode ser mudado, afinal, são eles que vivenciam aquilo todos os dias.

Problemas comportamentais

Há ainda profissionais que não assumem o compromisso de trabalhar com consistência.

Muitas vezes, não trabalhar no seu máximo potencial está relacionado a não visualização do resultado do trabalho.

Nessas situações, o primeiro passo é conscientizar a todos sobre a importância de manter a produtividade.

Também é importante que a empresa mostre o quanto valoriza os colaboradores dedicados, assim, eles irão se interessar mais por trabalhar bem.

Vale considerar trocar as peças, ou seja, demitir os profissionais que comprometem os resultados da equipe.

Problemas financeiros

Outra questão que pode estar prejudicando o desempenho dos seus colaboradores são os problemas financeiros.

Apesar de não ser um problema direto da empresa, ele pode ter um impacto direto na produtividade.

Afinal, diante da preocupação com dinheiro, os colaboradores são mais propensos a não terminar as tarefas. 

Como identificar a desmotivação no ambiente de trabalho?

Existem diversos sinais que podem indicar a desmotivação de colaboradores ou mesmo de equipes inteiras:

  • Entregas reduzidas e fora do prazo;
  • Metas não superadas;
  • Falta de proatividade nas tarefas cotidianas;
  • Baixo engajamento em reuniões e eventos;
  • Altos níveis de absenteísmo;
  • Indícios de relacionamento conturbado com os colegas de trabalho.

Para que a desmotivação não se torne uma bola de neve e leve a casos de demissão, é preciso identificar e tratar as dores antes que se tornem problemas maiores.

Como aumentar a motivação no ambiente de trabalho?

O primeiro passo é identificar o motivo do problema, já que ele pode estar relacionado com a gestão da empresa ou, até mesmo, questões de ordem pessoal. 

Confira a seguir algumas das principais estratégias para compreender as causas do desânimo e, consequentemente, impulsionar a motivação dos colaboradores. 

Dica 1: realize pesquisas sobre a satisfação dos colaboradores

Para haver monitoramento contínuo, é recomendado que sejam feitas pesquisas, pelo menos trimestralmente, pedindo a opinião dos profissionais sobre o clima organizacional.

Dessa forma, é possível identificar com maior antecedência se está havendo algum tipo de descontentamento, seja com colegas, gestores ou até mesmo nas atividades desempenhadas. 

Dica 2: promova a integração de equipe

É comum que os colaboradores passem mais tempo com suas respectivas equipes de trabalho do que com suas próprias famílias. 

Por isso, é preciso existir uma boa relação entre os profissionais para que a rotina não seja exaustiva.

Uma maneira de descontração é promover dinâmicas de integração, assim os colegas se conhecem e se sentem à vontade para expressar um pouco mais de suas personalidades. 

Um ambiente de relações saudáveis entre os companheiros de equipe aumenta a produtividade no trabalho, pois as pessoas se sentem aceitas e queridas

Dica 3: valorize os colaboradores

Como citamos antes, sentir-se reconhecido e valorizado é um dos principais componentes da motivação no ambiente de trabalho. 

Por isso, os gestores precisam manter o hábito de elogiar e divulgar as pequenas e grandes conquistas de sua equipe. 

Por exemplo, ao final da semana, os líderes podem citar exemplos do bom trabalho dos funcionários.

É bom não deixar ninguém de fora, para não criar um ambiente de competitividade desnecessário e desmotivador.

Dica 4: ofereça oportunidades de desenvolvimento

Cursos, workshops, palestras e até treinamentos online: investir em qualificação dos colaboradores é um poderoso estimulante para a proatividade. 

Obviamente, as oportunidades precisam ser coerentes para que os funcionários visualizem a aplicação prática dos novos conhecimentos adquiridos.

Vale ressaltar também que as empresas que oferecem planos de carreira bem estruturados e definidos tendem a garantir a motivação a longo prazo também.

Isso porque os colaboradores mantêm foco no seu crescimento profissional.

Dica 5: conceda benefícios corporativos

Por fim, bons planos de benefícios corporativos são fundamentais para aumentar a retenção de talentos e evitar que os colaboradores busquem outras oportunidades no mercado.

Esses benefícios vão além da remuneração básica e abrangem uma variedade de serviços que impactam diretamente na saúde financeira dos funcionários, como convênios de consultorias financeiras.

Bem-estar financeiro, motivação e produtividade

Como mencionamos, o bem-estar financeiro é um componente importantíssimo da motivação no trabalho. 

Segundo pesquisa realizada pela empresa britânica Salary Fine, colaboradores com problemas financeiros são 15% menos produtivos que os colegas em boa situação econômica.

Portanto, ao oferecer uma grande variedade de benefícios, a empresa demonstra seu compromisso com o bem-estar e o crescimento de seus funcionários.

Gostou das nossas dicas de como incentivar a motivação no ambiente de trabalho?  

Leia também: Como ser mais produtivo? Veja dicas e ferramentas.

E continue de olho nos conteúdos imperdíveis do blog Neon!

O propósito da Neon é criar caminhos por uma vida financeira melhor para todos os brasileiros. A educação financeira é um dos principais pilares para fazer isso acontecer, por isso estamos aqui para te acompanhar em sua jornada com as finanças.

Este artigo foi útil?

Dê sua nota e comente abaixo

Média da classificação 4 / 5. Número de votos: 8

Seja o primeiro a avaliar este post.

Tags:
Picture of Time Neon
Time Neon
Um time de pessoas dedicadas a diminuir desigualdades, mostrando caminhos financeiros mais simples e justos, porque todos merecem um futuro brilhante.
NEON LOGO