Black Friday: veja 10 dicas para aproveitar ao máximo a data

A Black Friday 2022 acontece dia 25 de novembro e você pode se preparar para ela seguindo 10 dicas que vão ajudar o seu bolso. Confira!
12 minutos de leitura
12 minutos de leitura
Duas sacolas amarelas sobre fundo verde-água

Um dos dias mais esperados do ano por clientes e lojistas é a Black Friday, a famosa sexta-feira de descontos que acontece no final de novembro.

Muitas pessoas deixam para comprar um celular novo, livros, videogame, notebook, dar aquela incrementada no PC ou ainda adiantar os presentes de Natal da família e do amigo secreto do trabalho neste dia. 

Já as empresas aproveitam o dia da Black Friday para vender mais, fidelizar clientes e conquistar novos compradores tanto nas lojas físicas quanto online.

Contudo, você precisa ficar atento para aproveitar as melhores ofertas para comprar o que precisa sem cair nas armadilhas da “Black Fraude” — apelido dado aos descontos fraudulentos que algumas empresas praticam na época.

E tem mais: essa época requer ainda mais disciplina e inteligência financeira, pois as promoções podem ser tentadoras (e você gastar mais do que tinha previsto). 

Por isso, confira neste texto as principais informações sobre a Black Friday 2023 e veja dicas para aproveitar a data sem prejudicar o bolso.

Vem com a gente!

O que é a Black Friday?

A Black Friday é uma campanha promocional do varejo que oferece uma série de descontos em produtos e serviços com o objetivo de aumentar as vendas.

A iniciativa surgiu nos Estados Unidos e é considerada a data que “abre” o período de compras de fim de ano.

Por lá, um dos feriados mais importantes do ano é o Dia de Ação de Graças (Thanksgiving Day), celebrado todos os anos na quarta quinta-feira de novembro. 

Você já deve ter visto nos filmes, né? As famílias se reúnem em grandes jantares e agradecem o ano que tiveram.

Pois justamente no dia seguinte a esse feriado vem a Black Friday: um dia inteiro em que os comerciantes oferecem descontos (de verdade) para liquidar os estoques e aquecer as vendas antes do Natal.

Inclusive, é comum encontrar televisões e videogames com até 80% de desconto à venda nas lojas americanas. 

Tem gente que acampa na frente das lojas para poder chegar primeiro e aproveitar as ofertas, e até quem saia no tapa na disputa pelos produtos. Uma loucura!

No Brasil, desde 2010 o comércio importa essa data dos americanos e investe cada vez mais na Black Friday para oferecer descontos e promoções, e também eliminar estoque para a chegada do Natal.

Quando vai começar a Black Friday?

A Black Friday 2023 será no dia 24 de novembro — a data sempre cai na última sexta-feira de novembro.

Porém, muitas empresas fazem um “esquenta Black Friday”, soltando ofertas alguns dias antes, enquanto outras estendem a data e fazem a “Black Week” (uma semana inteira de descontos) e o “Black November” (um mês inteiro de descontos).

É por isso que nessa época se ouve falar em “semana ou mês da Black Friday”, justamente porque os lojistas aproveitam todo o período para faturar com suas promoções. 

Quando acaba a Black Friday?

Oficialmente, a Black Friday começa às 0h da última sexta-feira de novembro e acaba às 23h59 do mesmo dia. 

Porém, hoje, grande parte das empresas aproveita para prolongar as ofertas.

É comum que os descontos de Black Friday cheguem até o domingo — e só são interrompidos porque segunda-feira vem a Cyber Monday, a data especial de descontos em eletrônicos e informática. 

Por isso, vale a pena ficar de olho nas promoções mesmo depois da sexta-feira. 

Cyber Monday: o que é + 7 dicas para aproveitar os descontos.

Como funciona a Black Friday?

A Black Friday Brasil tem abrangência nacional e qualquer negócio pode participar espontaneamente, anunciando seus descontos especiais para a data. 

Não existem regras específicas de participação. Ou seja, cada empresa decide qual oferta publicar, por quanto tempo e com quais condições.

Em alguns lugares, podem ser realizadas campanhas coletivas, como em shoppings e associações de comércio. 

Na internet, grandes marketplaces como Mercado Livre, Amazon, Magazine Luiza e Shopee criam especiais de Black Friday e convidam os lojistas a participarem com seus anúncios.

No entanto, de modo geral, as empresas são livres para ofertar o que quiserem com o título “Black Friday”. 

Por isso, você deve ter atenção aos valores e condições e avaliar cada promoção individualmente.

Seguindo algumas dicas e analisando os preços, é possível encontrar ofertas que são de fato vantajosas e economizar com compras na Black Friday

Mas é preciso ter cuidado, pois também existem muitas fraudes nessa época, como veremos a seguir. 

Tudo pela metade do dobro: Black Friday ou “Black Fraude”?

As ofertas da Black Friday realmente existem e são verdadeiras, mas há empresas que se aproveitam desse período para criar falsas promoções.

No evento de 2022, o Reclame Aqui registrou mais de 192 mil reclamações e um índice geral de solução de 78%. 

Isso representa um aumento de 5,2% nas manifestações de consumidores sobre propaganda enganosa, sites falsos e prazos de entrega desrespeitados.

E ainda permanece o velho golpe de aplicar o desconto sobre um preço inflacionado, virando “a metade do dobro”. Já ouviu falar nisso?

Funciona assim: na quinta-feira, aquela TV que você quer comprar custa R$ 1.999. Na sexta, dia da Black Friday, ela aparece por R$ 3.500, mas você pode comprar ela por R$ 2 mil — baita desconto, né?

Para evitar que você caia em uma propaganda enganosa, vamos falar ainda neste texto sobre como aproveitar a data da melhor forma.

Como foi a Black Friday 2022?

Em 2022, as vendas da Black Friday movimentaram R$ 6,1 bilhões no e-commerce brasileiro, segundo dados da Neotrust

Já o ticket médio do evento, ou seja, a média do valor das compras, foi de R$ 618,16.

Esses números representam uma queda de 23% no faturamento da data. 

A baixa já era esperada, pois as vendas online tiveram um crescimento extraordinário durante a pandemia da Covid-19.

Com a reabertura do mercado e a recessão do pós-pandemia, é natural que o mercado desacelere, principalmente no comércio eletrônico. 

Para 2023, é esperada uma recuperação e o retorno ao patamar de vendas de anos anteriores aos da pandemia.

O que vale a pena comprar na Black Friday?

Com o passar dos anos, ficou claro para os consumidores que alguns produtos valem mais a pena na Black Friday, enquanto outros podem ser comprados com um preço melhor em outras épocas do ano.

Em 2022, segundo dados da pesquisa da Neotrust, as categorias mais vendidas foram:

  • Eletrodomésticos;
  • Eletrônicos;
  • Telefonia;
  • Moda e acessórios;
  • Informática.

Tradicionalmente, produtos como TVs, celulares e notebooks, que estão no topo das intenções de compra, recebem descontos generosos na Black Friday. 

Mas, atenção: essa regra se aplica apenas a alguns modelos, por isso, sempre verifique o histórico de preços do produto para confirmar se o valor realmente caiu. 

No setor de moda, a participação das lojas de roupas e acessórios na Black Friday é massiva. 

Logo, sempre vale a pena verificar os descontos das suas marcas preferidas.

Outros segmentos que vêm se destacando pelas boas ofertas são supermercados (em especial apps de delivery), farmácias e cursos online.

Aproveite para ver dicas sobre o que vale a pena comprar na Black Friday!

Como se preparar para a Black Friday 2023: 10 dicas para aproveitar melhor

Agora que você já sabe quando é a Black Friday no Brasil e como esse dia funciona, chegou a hora de saber como aproveitar as melhores ofertas com consciência e preservar o seu bolso.

Vamos lá?

1. Faça uma lista do que você quer

Para aproveitar uma promoção na Black Friday (ou várias delas) com sabedoria, é fundamental ter organização, planejamento e saber priorizar o que você quer. 

Compre aquilo que você deseja de verdade e não só porque “tá barato”.

Muitas pessoas acabam comprando diversos filmes e livros que ficam parados por anos, adquirem itens que não têm utilidade alguma, enfim, cedem às compras por impulso só porque o preço caiu.

Isso tudo para dizer que consumir com consciência sempre é bom e em liquidações é melhor ainda! Então, pense bem, faça uma lista e não caia em tentações de consumo

Mesmo que tenha desconto, você ainda vai ter que pagar pelo que comprar, não é mesmo?

Como já diria o sábio Julius, de Todo Mundo Odeia o Chris: “Se eu não comprar nada, o desconto é bem maior”.

Veja dicas de documentários e filmes sobre consumismo para você refletir.

2. Pesquise sobre as lojas com Black Friday

Não tem jeito: por mais que pareça que as melhores promoções sejam da Black Friday, você precisará conhecer bem a loja antes de fazer uma compra.

Uma forma simples e eficaz é fazer essa busca via Serasa, nas redes sociais e nos sites especializados em reclamações, como o Reclame Aqui.

Outra forma de verificar é vendo o site oficial da Black Friday

Lá, entre outras informações interessantes, você vai encontrar a lista de lojas participantes — uma segurança a mais na hora de fechar a compra, visto que elas têm compromisso com os organizadores.

No Brasil, existe um “ranking” das 15 lojas com as melhores notas em preço, entrega, atendimento e facilidade de compra. 

É só checar as vencedoras nos anos anteriores do “Prêmio Black Friday de Verdade”.

É vendedor? Veja como vender mais na Black Friday e aumentar o faturamento.

3. Compare preços

Pense no cenário do dia da Black Friday, com diversas lojas bombardeando os consumidores com apelos irresistíveis

É um desafio e tanto saber se o que está sendo comprado tem mesmo o melhor valor e as condições de pagamento mais interessantes.

Então, que tal usar sites de comparação de preços e cupons de desconto que ajudam a monitorar as melhores ofertas da Black Friday?

No próprio site da Black Friday é possível receber por e-mail os principais descontos das empresas. 

Além disso, você também pode fazer suas pesquisas usando os sites abaixo para facilitar sua organização para as compras nesse dia:

Já para aproveitar a Black Friday de passagens aéreas, você pode recorrer a sites comparadores como o Skyscanner.

Seja qual for o seu desejo de consumo, comparar é uma dica muito importante para você usar o seu dinheiro com inteligência e ainda aproveitar os melhores preços.

4. Cuidado com o preço do frete

Uma forma muito comum de os vendedores tentarem enganar os consumidores é dar um bom desconto no produto, mas compensar essa quantia aumentando o preço do frete.

Então, desconfie da loja se aquele livro que custava R$ 55 com frete grátis de repente aparece na Black Friday por R$ 39 + R$ 18 de frete. 

Tem alguém querendo te ludibriar!

Fique por dentro de 9 direitos do consumidor em compras online.

5. Confira a segurança do site

Na hora de fazer as compras da Black Friday, a segurança não pode ficar em segundo plano

Então, sempre verifique se o site em que você está obedece a alguns requisitos básicos de segurança.

A primeira dica para garantir um ambiente seguro é observar se há um símbolo de cadeado na barra de endereço no alto à esquerda. 

Isso significa que o site é uma conexão segura e protege o envio de informações como senhas, dados bancários e preenchimento de dados pessoais.

Outra forma de conferir se o site é seguro é ver se no endereço do site o HTTP tem a letra S, ficando dessa forma: HTTPS://nomedosite.com.br

Para ficar ainda mais seguro, atualize o seu programa de antivírus e crie uma senha exclusiva para aquele site — nada de repetir senhas que você usa para acessar seus e-mails, redes sociais, entre outros.

Veja mais dicas para evitar golpes pela internet.

6. Prefira pagar no cartão de crédito

O cartão de crédito pode ser um grande aliado para te proteger das fraudes da Black Friday.

Se o site que você quer comprar só aceita pagamento em boleto, abra o olho. Pode ser cilada!

Essa é uma forma muito comum de golpe: você paga o boleto, o site desaparece e você fica sem o seu produto e sem o seu dinheiro.

Então, vale a pena usar o cartão de crédito para evitar qualquer dor de cabeça! 

Inclusive, sabia que clientes Neon têm à disposição um cartão virtual exclusivo para compras online? Isso protege seus dados e confere mais segurança às transações.

Ele funciona em compras de débito ou crédito (se você tiver essa função habilitada), sendo perfeito para aproveitar as ofertas.

Banner Com Cta Para Solicitar Cartão Virtual Neon

7. Cuidado com o prazo de entrega

Já que você está se planejando para a Black Friday, pode ser que queira aproveitar os descontos para comprar um presente de aniversário para alguém, por exemplo, ou então adiantar as compras de Natal.

Então, lembre-se de conferir se o produto vai chegar a tempo. Com a alta das vendas, os Correios e transportadoras ficam superlotados, e muitas lojas aumentam os prazos de entrega. 

Também observe a diferença entre dias úteis e dias corridos na hora de calcular o prazo.

8. Preste atenção nas condições de troca e garantia

Liquidações costumam trazer mudanças nas políticas de troca e devolução de muitas lojas.

Por isso, é essencial olhar cuidadosamente os termos e condições, tirar dúvidas pelo atendimento da loja e só comprar após ter certeza de que sua compra está protegida, mesmo em caso de o produto apresentar algum defeito.

Os preços da Black Friday podem ser irresistíveis, mas proteja-se de qualquer imprevisto futuro dedicando um tempo para entender as políticas de troca e garantia.

Conheça também como funciona o estorno do cartão de crédito e quanto tempo leva.

9. Denuncie os golpistas

Encontrou um espertinho querendo aplicar golpes? Recebeu um e-mail suspeito? Não pense duas vezes e denuncie imediatamente para o Procon da sua cidade

Tire prints das telas ou fotos da loja e encaminhe para os órgãos de proteção ao consumidor.

Afinal, você não caiu nessa, mas pode ajudar que ninguém mais caia e contribuir para termos uma Black Friday melhor.

10. Controle seus impulsos

Aproveitar uma boa promoção na Black Friday é o que todo mundo quer, mas não podemos deixar de falar de uma parte muito importante: como não sair comprando por impulso e acabar criando dívidas que você não consegue pagar.

Para evitar problemas, faça a si mesmo duas perguntas básicas e seja o mais sincero possível nas respostas:

  • “A compra cabe no meu orçamento?”: essa pergunta deve ser a primeira. Se você hesitar, é provável que acabe se atrapalhando no futuro por algo que talvez nem seja assim tão indispensável para a sua vida. O que, aliás, tem o gancho para a segunda pergunta;
  • “Qual é a urgência desse produto na minha vida?”: se você puder deixar para daqui a pouco, quer dizer que pode passar essa Black Friday sem mais um gasto. Se o dinheiro estiver sobrando, por que não pensar transformar isso em um investimento, por exemplo?

Está no vermelho? Saiba como negociar dívidas e quitá-las.

Extra: descubra quem é você na Black Friday

Para comprar com consciência e não se afundar em dívidas, é fundamental entender seu comportamento em datas como a Black Friday.

Por isso, abaixo elencamos quatro tipos de personalidades de compras para você ver com qual se identifica mais.

E mais: vamos mostrar dicas para cada uma delas sobre como aproveitar as promoções e como não cair em nenhuma cilada nessa época do ano com promoções tão tentadoras.

Vamos lá?

1. Ansioso e impulsivo

“Se tem desconto, é preciso aproveitar!” É assim que você pensa? 

A pessoa ansiosa e impulsiva corre o risco de comprar produtos e contratar serviços que não precisa só para não perder uma promoção.

No dia da Black Friday, isso tende a piorar. A concentração fica difícil e o nervosismo aumenta à medida que algum amigo comemora uma compra com economia.

Respira. Não dá para aproveitar tudo, né? Faça uma lista dos itens que você mais precisa e comece a pesquisar já!

  • Frase do momento: “Estou realmente aproveitando todas as promoções ou estou perdendo uma grande chance de economizar?”;
  • Dica Neon: você tem um risco alto de fazer dívidas por conta das promoções, por isso cautela deve ser a sua palavra para esse momento.

Para te ajudar a se organizar, acompanhe todos os seus gastos no Saldo Inteligente do app Neon. 

Ele é atualizado em tempo real e vai te mostrar se você está saindo ou não do seu orçamento.

2. Detetive e analítico

Não é fácil enganar você durante uma Black Friday — e ainda bem que não!

Você já tem o hábito de checar a segurança dos sites, conferir se eles estão oferecendo mesmo o menor preço, e se são confiáveis na hora de vender e entregar os produtos.

Paciência é a sua maior aliada nessa procura e ela costuma recompensar, afinal, dificilmente você é enganado ou compra algo que tem preço maior em outro lugar. 

E é por isso que você costuma ser uma fonte de inspiração para os amigos e familiares não apenas durante a Black Friday, mas no ano todo.

  • Frase do momento: “Está mesmo mais barato nessa loja ou eu encontro um desconto melhor no concorrente?”;
  • Dica Neon: cuidar do dinheiro já está em você, é preciso apenas adotar algumas estratégias para aproveitar isso não somente na Black Friday.

Durante o ano inteiro, você pode acompanhar seus gastos e planejar despesas usando a planilha de gastos mensais que acabamos de indicar.

3. Organizado e experiente

Você já sabe exatamente o que quer comprar e entende que a Black Friday é uma boa oportunidade de comprar com desconto, então espera a data pacientemente o ano inteiro.

Está querendo trocar a televisão? O celular começou a dar sinais de que está prestes a quebrar? Ou ainda, está querendo trocar o tênis da academia?

São planos de compra que você já tem há alguns meses e, por acompanhar os preços dos objetos de desejo, logo saberá reconhecer se a promoção é verdadeira ou não.

Com todo esse nível de organização e experiência em checar as lojas participantes da Black Friday, dificilmente você gasta dinheiro à toa e provavelmente não vai cair na lábia de um desconto pequeno. 

Muito bem!

  • Frase do momento: “O produto que eu quero está com um desconto muito bom?”;
  • Dica Neon: planejamento é a sua maior virtude e, por isso, sugerimos que você comece a investir o quanto antes para aproveitar os descontos do ano que vem!

Na Neon, você pode começar a investir no CDB Neon a partir de R$ 1 no próprio app e ter um rendimento superior ao CDI. 

É simples, rápido, seguro e você pode sacar o valor a qualquer hora do dia, inclusive aos finais de semana e feriados.

Banner Com Cta Para Novo Cdb Neon

4. Conservador e crítico

Você é muito conservador em relação a grandes promoções e desconfia de que seja apenas mais uma forma das grandes empresas faturarem muito. 

Por isso, tanto faz se está acontecendo Black Friday ou não, e gastar dinheiro não está com nada para você!

Muitas vezes, seus amigos te chamam de “mão de vaca” e dizem que você está perdendo grandes chances de ganhar dinheiro. Mas, para você, a melhor forma de economizar é não gastar dinheiro!

Enquanto todos estão gastando, você está focado em investir mais e melhor. 

É por isso que você aproveita esse momento para dar uma olhada em novos tipos de investimento.

  • Frase do momento: “Para que gastar se eu posso investir?”;
  • Dica Neon: o investimento já está em você. Por isso, sugerimos que diversifique a ideia de guardar dinheiro de diferentes formas, seja em investimentos de renda fixa ou renda variável.

Não deixe de conferir os 6 melhores investimentos para aplicar seu dinheiro!

Agora que você sabe tudo sobre a Black Friday e como aproveitar a data, comece a se organizar para comprar os produtos que você deseja com os melhores descontos!

O propósito da Neon é criar caminhos por uma vida financeira melhor para todos os brasileiros. A educação financeira é um dos principais pilares para fazer isso acontecer, por isso estamos aqui para te acompanhar em sua jornada com as finanças.

Este artigo foi útil?

Dê sua nota e comente abaixo

Média da classificação 4.8 / 5. Número de votos: 8

Seja o primeiro a avaliar este post.

Tags:
Picture of Time Neon
Time Neon
Um time de pessoas dedicadas a diminuir desigualdades, mostrando caminhos financeiros mais simples e justos, porque todos merecem um futuro brilhante.

Você também pode se interessar

NEON LOGO